Campo Grande, 22 de outubro de 2019

Blog do Manoel Afonso

Opinião e atitude no Mato Grosso do Sul

Campo Grande

Campo Grande • 29 nov, 2018

De olho nos preços dos combustíveis


(Diário da Mídia) O PROCON de Campo Grande iniciou hoje uma investigação que abrangerá todos os postos de combustíveis da Capital. O objetivo é mapear os preços praticados, sobretudo,  depois das anunciadas reduções nas refinarias.

O Procon, com isso, busca informações técnicas para exigir o repasse dessa diminuição dos preços ao consumidor.

Segundo o diretor do Procon municipal de Campo Grande Valdir Custódio, o levantamento visa proteger os consumidores de combustíveis da Capital; “O PROCON municipal iniciou um procedimento de investigação direcionado a todos os postos de combustíveis, para investigar o preço praticado nas refinarias, sua baixa já anunciado pela mídia, o valor de compra pelos postos e o valor praticado nas bombas. Com essas informações iremos fazer um estudo técnico, para que o valor chegue até os consumidores”.

SERVIÇO DE ATENDIMENTO DO PROCON MUNICIPAL

O Procon municipal de Campo Grande, fica na Avenida Afonso Pena, 3.128, centro. Fone 3314-9899 – Aberto de segunda a sexta-feira das 7h e 30  às 11h, 13h às 17h e 30. E-mail: proconcg@proco.campogrande.ms.gov.br 

PREÇO DOS COMBUSTIVEIS EM CAMPO GRANDE

Segundo o levantamento da ANP, a gasolina apresentou preço médio de R$ 4,277 entre 18 e 24 de novembro. Na pesquisa anterior, realizada entre 11 e 17 de novembro, o valor era de R$ 4,297. O litro mais barato entre os postos pesquisados em Campo Grande, custando R$ 4,129 e o mais caro R$ 4,39. O “preço médio” do combustível é de R$ 4,210, leve aumento de 0,2% em comparação com o levantamento anterior, quando apresentou média de R$ 4,199. A ANP pesquisou 87 postos de Campo Grande.

PREÇO DA GASOLINA NAS REFINARIAS

Os combustíveis derivados de petróleo são commodities e têm seus preços atrelados aos mercados internacionais, cujas cotações variam diariamente, para cima e para baixo. Hoje o valor praticado pela Petrobras é de R$ 1,5007

http://www.petrobras.com.br/pt/produtos-e-servicos/composicao-de-precos-de-venda-as-distribuidoras/gasolina-e-diesel/

Diário da Mídia




Deixe seu comentário