Campo Grande, 18 de julho de 2018

Blog do Manoel Afonso

Opinião e atitude no Mato Grosso do Sul

Política

Política • 17 maio, 2018

Álvaro Dias em Dourados nesta quinta-feira(17)


Nesta quinta-feira (17), o “Podemos”, antigo PTN, traz à Dourados o pré-candidato a presidência da República, Alvaro Dias. O senador paranaense é a aposta da sigla para o pleito deste ano e participa de um Encontro Regional do movimento, às 20h30, na Aced (Associação Comercial e Empresarial de Dourados).
Dias tem chegada prevista às 18h, no aeroporto municipal Francisco de Matos Pereira. O presidente do Partido em Dourados, Lupércio Marques, cita os apoios “fechados” ao pré-candidato como o do pré-candidato ao Governo de MS, juiz Odilon de Oliveira e de Chico Maia que disputará o Senado, que, conforme ele “fortalecem ainda mais o movimento”.
Ele acredita que o encontro deve reunir centenas de pessoas e conta com grande expectativa das lideranças.
“Nosso grande objetivo é mostrar que o Brasil tem jeito. Dias realiza uma visita rápida ao município, mas de grande importância que ocorre para fortalecer ainda mais o movimento junto as representatividades do interior e simpatizantes locais”, pontuou.
Lupércio explica que ao sair do aeroporto, a primeira agenda do pré-candidato é em uma emissora de TV local, 18h30. Posteriormente, ele participa às 19h30 um encontro na Loja Maçônica 20 de Agosto. Na sequência, ocorre o encontro regional do partido, às 20h30, no auditório da Aced.
São esperados representantes do partido da capital e de todo interior do Estado. Durante o dia, outros políticos ligados a sigla cumprem agenda na cidade, sendo o juiz Odilon de Oliveira, Chico Maia e o presidente do Podemos, Cláudio Sertão.
O pré-candidato a presidência da República, Alvaro Dias, alavancará a segunda tentativa de chegar ao cargo.
A primeira foi em 1989, quando foi pré-candidato pelo PMDB e acabou preterido por Ulysses Guimarães. Tem décadas de “vida política” e já atuou como deputado estadual, federal e foi governador do estado do Paraná (1987-1991), posteriormente indo para o Senado. O político “levantou” bandeira fortemente contrária ao governo dos petistas Lula e Dilma Roussef.
“Enquanto político sempre contou com altos índices de aprovação e temos nele um representante totalmente preparado para assumir e dar novos rumos ao Brasil. Acreditamos em um segundo turno, seguido de vitória”, enfatiza Lupércio.
Por: Gizele Almeida



Deixe seu comentário