Campo Grande, 20/05/2024 11:40

Blog do Manoel Afonso

Opinião e atitude no Mato Grosso do Sul

Campo Grande

Campo Grande, Saúde • 07 maio, 2018

CLAUDIA MALFATTI


O Recomeço

 

 

A vida nos impõe muitos recomeços. Alguns deles por opção, outros por forças alheias à nossa vontade, quase a fórceps. Na maioria das vezes é assustador, principalmente quando não foi uma escolha nossa. Lidar com o inesperado, com o novo, com várias possibilidades é desafiador e, ao mesmo tempo, desesperador.

Recomeçar requer força interna, o que costumamos chamar de resiliência, encontrar esperança em meio, muitas vezes, a desesperança. Popularmente dizemos “juntar os caquinhos” e fazer um novo desenho, o desenho de uma nova fase. Pode parecer simples, mas não é. Cada caco tem suas pontas, cada ponta precisa ser aparada e esse movimento requer paciência, dedicação e determinação, porque alguns nem colam mais.

Mesmo quando tudo parece perdido, acredite: não está! Em meio às turbulências emocionais, podemos aproveitar e mergulhar para resgatar pérolas até então desconhecidas por nós mesmo. É claro, se durante esse “nado” ou quase “afogamento”, você puder contar com a ajuda externa, melhor ainda. Fica a dica: os psicólogos são ótimos salva-vidas.

Ter uma rede de apoio (amigos e familiares) contribui bastante para essa jornada. Só tome cuidado para não se aproximar dos julgadores ou sabichões! Esses, mesmo querendo ajudar, acabam atrapalhando. De julgamento basta o nosso. Quem está passando pelo processo de iniciar um novo ciclo, mesmo que seja por opção, ou por questões que fogem do controle, precisa mais do que nunca de acolhimento e incentivo.

O importante é entender que o recomeço é sempre possível em qualquer momento, independente da idade, e isso é LINDO. Dar novo sentido, significado e direcionamento é sinônimo de vida. Viver é isso, lidar com as mudanças que escolhemos e com outras às quais nem imaginávamos. Fazer com que todas elas tragam algo de bom, um aprendizado para melhorar o nosso viver.

Contato com a colunista: claumalfatti@hotmail.com

A autora é psicóloga clínica, jornalista e especialista em saúde mental. Atende adolescentes e adultos e ministra aulas e palestras. 

 




Deixe seu comentário