Campo Grande, 01/03/2024 06:50

Blog do Manoel Afonso

Opinião e atitude no Mato Grosso do Sul

Política

Política • 15 dez, 2023

Caravina e Marcio Fernandes prestigiam evento da causa animal


Um passo importante para a proteção da vida animal foi dado na manhã desta quarta-feira (13), no auditório Germano de Barros, no Centro de Convenções Arquiteto Rubens Gil de Camilo, com o lançamento da ‘Caravana da Castração’, cujo o objetivo é estabelecer o controle de natalidade de cães e gatos, além de combater maus tratos e o abandono dos pets.

 O deputado estadual Marcio Fernandes, pioneiro nas ações em pról da castração esteve prestigiando o evento

O evento, idealizado pela secretaria de Turismo, Esporte, Cultura e Cidadania (Setescc), por meio da Assessoria Especial de Defesa e Proteção da Vida Animal, contou com a participação de representantes do Governo, protetores e presidentes de ONGs, além da primeira-dama do Estado, Mônica Riedel.

Essa alternativa de esterilização gratuita em massa foi a saída que encontramos para controle de animais domésticos doentes ou abandonados nas vias públicas. Uma cirurgia custa, em média, quase mil reais e ficaria difícil para a população mais carente custear esse serviço. Isso é respeito e dignidade aos animais. Isso é saúde pública”, explicou o secretário de Governo Pedro Caravina.

Com investimentos que somam R$ 6 milhões, viabilizados por meio de emendas da Senadora Soraya Thronicke e do Deputado Federal Beto Pereira, o projeto irá beneficiar aproximadamente 21 mil animais em todas as regiões do Estado, ainda nesta primeira fase. Além disso, o programa vai fornecer aos tutores dos animais medicamentos e microchipagem.

Caravina lembra que em 2019 foi um dos primeiros gestores estaduais a implantar esse tipo de procedimento preventivo, ainda como prefeito de Bataguassu. Ele reconhece que o trabalho é muito importante como ação de controle para diminuir a disseminação de zoonoses, mas reforça a relevância e o papel da informação educativa a quem se denomina “mãe” ou “pai” de pet como fundamental para auxiliar no êxito do programa.

“A sociedade civil vem sendo a principal protagonista na proteção dos pets, mas o cidadão precisa ter conhecimento e conscientização da importância da castração para termos o resultado esperado. Ações como palestras de educadores ambientais e veterinários sobre os cuidados com a saúde, higiene, vacinação dos animais e combate a doenças como leishmaniose devem ser sempre abordados”.

Outro ponto importante abordado pelo secretário durante o evento foi o fato de que Mato Grosso do Sul está à frente, como o primeiro Estado do Centro-Oeste a implantar política pública de bem-estar animal. Caravina ressalta que para o Governo chegar aos números e elaborar as diretrizes do programa foram necessários seminários, reuniões e um amplo estudo sobre o tema.

O sistema a ser usado no sistema de cadastramento dos animais ainda está em fase de desenvolvimento. Vagas serão abertas para as ONGs e para a sociedade. A expectativa é que o ônibus itinerante atenda cerca de 200 a 300 animais por dia – sendo macho ou fêmea.




Deixe seu comentário