Campo Grande, 23/06/2024 08:02

Blog do Manoel Afonso

Opinião e atitude no Mato Grosso do Sul

Política

Política • 03 jun, 2024

Governo investe R$ 42,9 milhões em obras no ‘Moreninhas IV’


O Governo do Estado vai promover mais uma etapa de asfalto e drenagem no bairro Moreninha IV, em Campo Grande. O contrato para realização da obra já foi publicado. Várias ruas serão contempladas, acabando com a poeira e o barro nos dias de chuva.

A nova etapa de asfalto promovido pela Agesul (Agência Estadual de Gestão de Empreendimentos) e Seilog (Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística) terá um investimento de R$ 1,38 milhão do Governo do Estado, em mais um projeto que busca melhorar as condições dos moradores da Capital.

Nesta nova etapa serão asfaltadas as ruas Clotilde Chaia, Maria Cândida de Rezende, Oriomar Fernandes (entre a as ruas Ivo Osman Miranda e Copaíba), Copaiba (entre as ruas Clotilde Chaia e Oriomar Fernandes) e Ivo Osman Miranda (entre as ruas Clotilde Chaia e Oriomar Fernandes).

Depois da publicação do contrato, a próxima passo do projeto é a assinatura da ordem de serviço para o começo das atividades nas vias urbanas. A empresa responsável pelo projeto terá o prazo definido para concluir as atividades.

Na primeira fase de obras na Moreninha IV foram asfaltadas as ruas João Adolfo Cintra, Cândida Menezes Cintra, Antônio Pires de Oliveira e Clotilde Chaia, no trecho entre as ruas Copaíba e Ivo Osman Miranda. Outra via dentro do projeto é a Rua Elias Saad, entre a Antônio Pires de Oliveira e a Clotilde Chaia.

Novo acesso

Outro grande projeto de infraestrutura na região das Moreninhas é a obra do novo acesso ao bairro, que é um dos mais populosos de Campo Grande. Lá serão investidos R$ 42,9 milhões do Governo do Estado.

Segundo a Agesul, a obra já teve 70,65% das atividades concluídas, sendo que 98% da drenagem já está pronta e a pavimentação asfáltica prevista chegou.

Faz parte do projeto a pavimentação da Avenida Alto da Serra, com implantação de uma ciclovia. Asfalto nos trechos das ruas Floreal, Ubirajara Guarani, Inconfidente, Buenópolis, Cana Verde, Salomão, Jaguariúna, Israelândia, Joaquim Leonardo Maia, Camocim, Osni Moura, Bento de Souza, Crispim Moura, Equipe Gugelmin e Equipe Barrichelo.

O serviço também conta com uma segunda etapa. Esse trecho vai ligar o final da avenida Alto da Serra à rua Salomão Abdala, conectando as avenidas Guaicurus, Rita Vieira de Andrade e Eduardo Elias Zahran. Neste lote o Governo de Mato Grosso do Sul deve investir cerca de R$ 32 milhões em pavimentação, drenagem, construção de ponte e instalação de ciclovia.

“Essa obra vai ligar regiões e melhorar o trânsito na região. Nesta obra são mais de 92 mil metros quadrados de asfalto novo, 31 mil metros quadrados de recapeamento e nove mil metros de drenagem”, afirmou o secretário de Infraestrutura e Logística, Helio Peluffo.




Deixe seu comentário