Campo Grande, 25/07/2024 15:21

Blog do Manoel Afonso

Opinião e atitude no Mato Grosso do Sul

Política

Política • 18 jun, 2024

Mochi convoca reunião para discutir aumento dos pedágios na BR-163


Durante a sessão plenária desta terça-feira (18), o deputado estadual Junior Mochi (MDB) anunciou a convocação de uma reunião para tratar do aumento dos pedágios na BR-163, administrada pela CCR MSVia. A reunião está marcada para a próxima quinta-feira, 20 de junho, às 08h, na sala da presidência da Assembleia Legislativa.

O deputado Junior Mochi convocou o grupo especial que representa o poder Legislativo nas etapas do processo de concessão. A comissão é composta pelos parlamentares Pedro Kemp (PT), Roberto Hashioka (UNIÃO) e Pedrossian Neto (PSD). Os parlamentares que compõem o grupo especial têm a responsabilidade de representar o Legislativo nas etapas do processo de concessão do trecho norte da rodovia, cuja concessão atual está prevista para se encerrar no segundo trimestre de 2025. O objetivo é discutir a concessão da rodovia e avaliar as possibilidades de ação do Legislativo diante do recente aumento no valor dos pedágios.

Em sua fala, Junior Mochi destacou a importância de abordar esta questão, enfatizando a falta de ações concretas que permitam um debate amplo e transparente sobre o tema. “Até o momento, não houve uma discussão efetiva, a concessão não foi relicitada e nem prorrogada, mas o aumento do pedágio já ocorreu. Precisamos estudar todas as possibilidades, inclusive a viabilidade de esta casa de leis ingressar com uma medida judicial visando a suspensão do aumento do pedágio até que essa situação seja resolvida, seja pela renovação ou não da realização dos trabalhos”, afirmou o deputado.

A BR-163, também conhecida como Rota do Pantanal, é uma via crucial para o transporte e a economia do Mato Grosso do Sul. Com uma extensão de 379,6 quilômetros, a Rota do Pantanal soma custos e investimentos de R$ 7 bilhões a serem aplicados durante os 30 anos do novo contrato de concessão. Este trecho da rodovia compreende o trecho que liga o entroncamento com a BR-262/MS, em Campo Grande, ao fim da Ponte Rio Correntes, na divisa com Mato Grosso.

A reunião de quinta-feira será uma oportunidade para os deputados discutirem estratégias e tomarem decisões que possam garantir uma solução justa e equilibrada para todos.




Deixe seu comentário