Campo Grande, 23/06/2024 13:01

Blog do Manoel Afonso

Opinião e atitude no Mato Grosso do Sul

Política

Política • 01 dez, 2023

Capital: Pesquisa revela mudanças para as eleições 2024


A quarta pesquisa do Instituto Ranking, encomendada pelo site Diário MS News, sobre a intenção de votos para a Prefeitura de Campo Grande em 2024 traz os favoritos ao cargo. O levantamento foi realizado no período de 20 a 30 de novembro deste ano junto a 2.000 moradores das sete regiões urbanas de Campo Grande (Anhanduizinho, Bandeira, Centro, Imbirussu, Lagoa, Prosa e Segredo) com 16 anos ou mais de idade.

Espontânea

A pesquisa aponta a liderança do ex-governador André Puccinelli (MDB), com 12% das intenções de voto, ou seja, 2 pontos percentuais a mais que no levantamento de setembro (10%), 6,75 pontos percentuais a mais do que o de julho (5,25%) e 7,5 pontos percentuais a mais do que o de abril (4,5%). Ele é seguido de perto pela ex-deputada federal Rose Modesto (União Brasil), com 9,2%, o que representa 2,1 pontos percentuais a mais do que o anterior (7,1%), 4,2 pontos percentuais do que a de julho (5%) e 5,45 pontos percentuais que o de abril (3,75%).

Depois aparecem a atual prefeita Adriane Lopes (PP), com 8,5%, ou seja, 3,5 pontos percentuais a mais do que a de setembro (5%), 5,75 pontos percentuais a mais do que a de julho (2,75%) e 6,25 pontos percentuais a mais do que a de abril (2,25%), o deputado estadual Lucas de Lima (PDT), 5,2%, isto é, 0,3 ponto percentual a menos do que a anterior (5,5%), 1,2 ponto percentual a mais do que a de julho (4%) e 2,2 pontos percentuais a mais do que a abril (3%).

Logo atrás tem o deputado federal Beto Pereira (PSDB-MS), com 3,4%, ou seja, 0,8 ponto percentual a menos que na anterior (4,2%), 0,9 ponto percentual a mais do que na de julho (2,5%) e 1,4 ponto percentual a mais do que a de abril (2%), o ex-governador Reinaldo Azambuja (PSDB), com 2,6%, isto é, 0,6 ponto percentual a mais que a anterior (2%) e 0,9 ponto percentual a menos que a de julho (3,5%), sendo que na de abril ele não foi citado.

Mais atrás estão o ex-deputado estadual Capitão Contar (PRTB), com 2,2%, ou seja, 0,85 a mais que na anterior (1,35%), 0,05 ponto percentual a menos que a de julho (2,25%) e 0,05 percentual a menos que a de abril (2,25%), e o deputado estadual Coronel David (PL), com 2%, o que representa 0,8 ponto percentual a mais do que na anterior (1,2%), o mesmo percentual que a de julho (2%) e 1,25 ponto percentual a mais do que a de abril (0,75%).

Ainda mais atrás aparecem o deputado estadual Zeca do PT, 1,8%, isto é, 0,5 ponto percentual a menos que na anterior (2,3%), 1,2 ponto percentual a menos que a de julho (3%) e 0,55 ponto percentual a mais que a de abril (1,25%), o deputado estadual Pedrossian Neto (PSD), com 1,2%, ou seja, 0,5 ponto percentual a mais do que na anterior (0,7%), sendo que na de julho e na de abril na foi citado, e a deputada federal Camila Jara (PT-MS), com 1%, o que representa 0,2 ponto percentual mais que na anterior (0,8%), 0,25 ponto percentual que a de julho (0,75%) e a de a de abril (0,75%).

Ainda foram citados pelos entrevistados o ex-deputado federal Tio Trutis (PL-MS), com 0,4%, sendo que ele não foi citado nas anteriores, o deputado federal Marcos Pollon (PL-MS), com 0,3%, ou seja, 0,1 ponto percentual a menos do que na anterior (0,4%), 0,05 ponto percentual a mais do que a de julho (0,25%) e 0,3 ponto percentual a menos que a de abril (0,5%), e o advogado Beto Figueiró, com 0,2%, isto é, 0,4 ponto percentual a menos que na anterior (0,6%), sendo que ele também não apareceu nas de julho e abril, sendo que 1% citaram outros nomes e 49% não sabem ou não responderam.

Estimulada 1

Na pesquisa estimulada, o Instituto Ranking Brasil Inteligência fez três cenários e no primeiro o líder ainda é o ex-governador André Puccinelli, com 18%, ou seja, 2,8 pontos percentuais a mais do que na anterior (15,2%), 8 pontos percentuais a mais do que na de julho (10%) e 8,75 a mais do que na de abril (9,25%), tendo na sua cola a ex-deputada federal Rose Modesto, com 14,7%, isto é, 2,65 pontos percentuais a mais do que na anterior (12,05%), 5,45 pontos percentuais a mais do que na de julho (9,25%) e 6,7 pontos percentuais acima do que o do levantamento de abril (8%), e a prefeita Adriane Lopes, 13%, ou seja, 3,8 pontos percentuais a mais do que na anterior (9,2%), 6 pontos percentuais a mais do que na pesquisa de julho (7%) e 8 pontos percentuais acima do levantamento de abril (5%).

Na segunda parte, aparecem o deputado estadual Lucas de Lima, com 8,4%, isto é, 1,9 ponto percentual a menos que na anterior (10,3%), 0,15 ponto percentual acima da pesquisa de julho (8,25%) e 2,15 pontos percentuais a mais que na de abril (6,25%), seguido de perto pelo deputado federal Beto Pereira, com 6,3%, o que representa 1,8 ponto percentual a menos que na anterior (8,1%), 0,2 ponto percentual a menos que na de julho (6,5%) e 1,5 ponto percentual a mais do que a de abril (5,25%), pelo ex-deputado Capitão Contar, com 4,5%, ou seja, 1,5 ponto percentual a mais do que na anterior (3%), 1,25 ponto percentual a mais do que na de julho (3,25%) e ,1,5 ponto percentual a mais do que na de abril (3%).

Já na terceira parte da pesquisa, estão o deputado estadual Coronel David, com 3,6%, isto é, 0,4 ponto percentual a mais do que na anterior (3,2%), 0,6 ponto percentual a mais que a de julho (3%) e 1,6 ponto percentual acima do levantamento de abril (2%), o deputado estadual Pedrossian Neto, com 2,2%, ou seja, 0,1 ponto percentual a menos que na anterior (2,3%), sendo que ele não foi citado nas de julho e abril, a deputada federal Camila Jara, com 2%, sendo que ela não foi citada nas de setembro, julho e abril, o advogado Beto Figueiró, com 1,1%, ou seja, 0,1 ponto percentual a mais do que na anterior (1%) e 0,85 ponto percentual que na de julho (0,25%), sendo que ele não foi citado na de abril.

Depois, na quarta parte da pesquisa, surgem o ex-deputado federal Tio Trutis, com 1%, sendo que ele não foi citado nos levantamentos anteriores, o deputado federal Marcos Pollon, com 0,3%, isto é, 0,5 ponto percentual a mesmo que na anterior (0,8%), 0,45 ponto percentual a menos que na de julho (0,75%) e 1,45 ponto percentual a menos do que a de abril (1,75%), e Rodrigo Lins, com 0,2%, ou seja, 0,05 ponto percentual a mais do que na anterior (0,15%), sendo que ele não foi citado nas de julho e abril, enquanto 24,7% não sabem ou não responderam.

Estimulada 2

Na pesquisa estimulada 2, a líder é a ex-deputada federal Rose Modesto, com 21,3%, seguida pela atual prefeita Adriane Lopes, com 18%, pelo deputado estadual Lucas de Lima, com 10,4%, pelo deputado federal Beto Pereira, com 7,2%, pelo deputado estadual Coronel David, com 6,3%, pelo deputado estadual Pedrossian Neto, com 4,5%, pela deputada federal Camila Jara, com 3%, pelo advogado Humberto Figueiró, com 1,5%, e pelo ex-deputado federal Tio Trutis, com 1,4%, sendo que 26,4% não sabem ou não responderam.

Estimulada 3

Na pesquisa estimulada 3, a líder é a prefeita Adriane Lopes, com 26,2%, seguida pelo deputado estadual Lucas de Lima, com 16,1%, pelo deputado federal Beto Pereira, com 13%, pelo deputado estadual Coronel David, com 9%, e pela deputada federal Camila Jara, com 5,2%, sendo que 30,5% não sabem ou não responderam.

Rejeição

Na pesquisa de rejeição, o líder é André Puccinelli, com 23,8%, seguido pelo Capitão Contar, com 18,4%, por Camila Jara, com 8,6%, Adriane Lopes, com 6,2%, Marcos Pollon, com 4,5%, Beto Pereira, com 3,5%, Coronel David, com 3%, Rose Modesto, com 2,8%, Pedrossian Neto, com 2,4%, Tio Trutis, com 2,2%, Lucas de Lima, com 1,8%, Rodrigo Lins, com 1,4%, e Humberto Figueiró, com 1,3%, sendo que 20,1% não sabem ou não responderam.

Dados

Instituto Ranking Brasil Inteligência realizou 2.000 entrevistas presenciais em todas as regiões de Campo Grande, ouvindo moradores residentes com 16 anos ou mais de idade. A pesquisa é do tipo quantitativa, por amostragem, com aplicação de questionário estruturado em entrevistas com abordagem pessoal em ponto de fluxo populacional e domiciliar, tendo intervalo de confiança de 95% e a margem de erro máxima estimada foi de 2,5% para mais ou para menos.

RANKING BRASIL INTELIGÊNCIA

Contato: (67) 9 9968-0055/67 9 9962-3334

E-mail: rankingpesquisa@gmail.com

www.rankingpesquisa.com.br




Deixe seu comentário