Campo Grande, 19 de abril de 2018

Blog do Manoel Afonso

Opinião e atitude no Mato Grosso do Sul

Justiça

Justiça, Política • 21 mar, 2018

BIOMETRIA| Eleitores que não fizeram podem regularizar situação a partir de segunda-feira


Prazo final para o cadastramento obrigatório termina no dia 9 de maio

 

Eleitores que perderam o prazo para o cadastramento biométrico em Campo Grande poderão regularizar a situação a partir de segunda-feira (26), quando serão retomados atendimentos nos cartórios eleitorais. Prazo para regularização termina no dia 9 de maio e quem não fizer o cadastro terá o título de eleitor cancelado.
De acordo com o Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso do Sul (TRE-MS), até a sexta-feira (23) não haverá atendimento ao público nos postos de atendimento eleitoral da Capital.
No período, os cartórios eleitorais realizarão expediente interno para transmissão de requerimentos de alistamento eleitoral e outras medidas administrativas para a tramitação do processo de revisão do eleitorado da Capital, que terminou no último domingo (18).
Antes do procedimento ser encerrado, os números oficiais apontavam um aumento de pelo menos 34,8 mil eleitores na cidade em relação a 2016, quando 595.172 pessoas estavam aptas a votar. Para este ano, o total é de 630 mil. O número final ainda não foi divulgado pelo TRE.
Os eleitores que não fizeram o cadastramento no primeiro prazo, podem, a partir de segunda-feira, procurar os postos de atendimento da Capital, que compreendem os cartórios eleitorais, Central de Atendimento ao Eleitor (CAE), os Fácies Guaicurus, General Osório e Aero Rancho, Centro Integrado de Justiça (Cijus) e Posto de Atendimento Eleitoral do Memorial de Cultura.
O prazo final para fazer biometria, emitir o título de eleitor ou solicitar transferência do local de votação, termina no dia 9 de maio.
Conforme o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), não há multa para quem perdeu o prazo do cadastramento biométrico obrigatório, que serve como atualização do cadastro de eleitores. O título de eleitor só deve ser cancelado se o eleitor perder o prazo final.
Fonte: CE
Por: GLAUCEA VACCARI




Deixe seu comentário