Campo Grande, 10 de julho de 2020

Blog do Manoel Afonso

Opinião e atitude no Mato Grosso do Sul

Política

Política • 30 jun, 2020

Gastos com a pandemia produzem pior déficit primário da história


Em consequência dos gastos bilionário em resposta à pandemia, o governo federal acaba de apresentar déficit mais elevado da série histórica.

As contas do Governo Central apresentaram déficit primário de R$ 126,6 bilhões em maio, ante o saldo negativo de R$ 14,7 bilhões registrado no mesmo mês do ano passado. As despesas avançaram 68% em termos reais, na comparação interanual. Houve gasto adicional de R$ 54 bilhões, principalmente por conta do auxílio emergencial e também pelo pagamento antecipado do 13º salário do INSS.

Já as receitas recuaram 37%, impactadas pelo adiamento de vários tributos e por algumas desonerações, além do aumento do uso de créditos tributários pelas empresas.

Em junho, o resultado das contas do governo deverá continuar bastante negativo, principalmente pela execução de mais despesas emergenciais.




Deixe seu comentário