Campo Grande, 19/04/2024 15:20

Blog do Manoel Afonso

Opinião e atitude no Mato Grosso do Sul

Política

Política • 14 mar, 2024


Na palestra, destacou que MS teve o maior crescimento do agro no Brasil e exige medidas sustentáveis

Governador Eduardo Riedel (PSDB) discursa no evento “MS em Foco”, que promove discussões relevantes do setor agrícola (Foto: Saul Schramm)

O governador Eduardo Riedel (PSDB) participou nesta quinta-feira (14) do evento “MS em Foco”, que promove discussões relevantes do setor agrícola. Na sua palestra destacou que Mato Grosso do Sul teve o maior crescimento do agro no Brasil e que as medidas sustentáveis, além de contribuir para preservação, vão trazer ativos ambientais ao setor.

“MS é um estado que no ano passado foi o que mais cresceu no agro no Brasil, com crescimento de 32% do PIB. Isto é fruto das expansões em diferentes cadeias produtivas e da industrialização baseado no primário, como floresta plantada, etanol de milho, aumento do complexo carne, suíno, frango. Esta diversificação de investimentos pesados da atividade industrial gerou este resultado”, afirmou o governador.

Riedel voltou a defender o “Estado Carbono Neutro” até 2030, que vai trazer grandes vantagens a Mato Grosso do Sul e aos produtores rurais. “É o agro voltado aos sustentável, que vai gerar preservação e ativos ambientais. Já existe um mercado mundial neste sentido e temos que colocar Mato Grosso do Sul nesta agenda. Vamos entrar não apenas com conversa, mas sim com resultados, projetos e dados para gerar confiança e credibilidade”.

Durante o evento ainda citou a nova legislação estadual sobre o Pantanal, que conta com a criação de um fundo estadual de desenvolvimento do bioma e dispõe do PSA (Programa de Pagamento por Serviços Ambientais). “O Pantanal tem três grandes atividades econômicas, que é a pecuária de corte, turismo e os ativos ambientais. Todos dentro desta nova legislação”.

Investimentos e empregos

O governador aproveitou a oportunidade para destacar o “bom ambiente de negócios” do Estado, que somente no último ano atraiu R$ 17 bilhões de investimento privado. Este cenário permite a geração de empregos em diferentes regiões, abertura de novas oportunidades e aumento na renda da população.

“Um ambiente de negócios que trazem muitos empregos ao Estado. A vinda de grandes grupos (empresariais) também irradia para o surgimento de pequenas e médias empresas, gerando novas oportunidades. Este crescimento precisa incluir os menos favorecidos. Nosso Estado tem a terceira menor taxa de pobreza do país”, acrescentou.

O evento realizado no Bioparque Pantanal é promovido pelo escritório FLH (“Franco Leutewiler Henriques Advogados)”, em parceria com a Virgo Securitizadora. Além da palestra do governador, ainda vai contar com outros convidados especialistas nas áreas de planejamento sucessório, mercado de capitais, finanças, imobiliária e tributação, que vão contribuir com o cenário atual do agronegócio do Mato Grosso do Sul.




Deixe seu comentário