Campo Grande, 21/02/2024 14:48

Blog do Manoel Afonso

Opinião e atitude no Mato Grosso do Sul

Política

Política • 28 nov, 2023

Deputado João César Mattogrosso visita a Casa da Mulher Brasileira na Capital


 

Há 8 anos em atuação na Capital, a Casa da Mulher Brasileira de Campo Grande foi a primeira a ser criada no Brasil e é referência no atendimento às mulheres vítimas de violência. Nesta segunda-feira (27), o deputado estadual João César Mattogrosso (PSDB) visitou o espaço e se reuniu com a Subsecretária Municipal de Políticas para as Mulheres, Carla Stephanini, para acompanhar os trabalhos da unidade.

“A luta em defesa das mulheres é uma responsabilidade coletiva e poder contar com um espaço que concentra um time especializado para atender as mulheres em situação de violência é muito significativo. Reitero meus parabéns pelos esforços diários de toda equipe da Casa da Mulher Brasileira e ressalto que nosso mandato está à disposição para ações que fortaleçam o trabalho realizado”, destaca o deputado João César Mattogrosso.

Deputado acompanha panorama das ações com a Subsecretária Municipal de Políticas para as Mulheres, Carla Stephanini

Deputado acompanha panorama das ações com a Subsecretária Municipal de Políticas para as Mulheres, Carla Stephanini

A CMB de Campo Grande é referência nacional, concentrando no mesmo local todos os serviços essenciais de atendimento à mulher violentada. O atendimento especializado, integral e humanizado, visa o rompimento do ciclo da violência e a transformação de padrões machistas e patriarcais que resultam em violência.

No local são disponibilizados os seguintes serviços especializados, integrados para atender todos os tipos de violência contra mulher: acolhimento e triagem; apoio psicossocial; Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher (DEAM); Juizado da 3ª Vara Ministério Público, Defensoria Pública; promoção de autonomia econômica; cuidado das crianças – brinquedoteca; alojamento de passagem e central de transportes.

Além disso, o espaço também disponibiliza Alojamento de Passagem, Central de Transportes, Patrulha Maria da Penha, Programa Mulher Segura do Estado (PROMUSE) e Serviço Psicossocial Continuado (CONTE).

A gestão da Casa da Mulher Brasileira é compartilhada entre governos federal, estadual e municipal, sendo que as decisões das deliberações do Colegiado Gestor, formado pelos órgãos que integram os serviços, ficando a administração sob a responsabilidade da Prefeitura Municipal, por meio da Subsecretaria Municipal de Políticas para Mulheres (SEMU).

 

ASSEMBLEIA LEGISLATIVA

DEPUTADO JOÃO CÉSAR MATTOGROSSO

POLÍTICA




Deixe seu comentário