Campo Grande, 02/03/2024 07:16

Blog do Manoel Afonso

Opinião e atitude no Mato Grosso do Sul

Política

Política • 21 dez, 2023

Deputado Zé Teixeira analisa desafios para 2024


No encerramento do calendário parlamentar de 2023, o deputado Zé Teixeira (PSDB) aproveitou para avaliar as perspectivas políticas e econômicas do País. Na opinião do parlamentar, o Brasil deverá enfrentar um ano desafiador em 2024. “O setor produtivo, que gera riquezas e empregos, será o mais afetado, mas o ano exigirá esforços de todos os brasileiros para manter as contas domésticas em dia”, analisa Zé Teixeira.

Para o deputado, a máquina administrativa federal está inchada com diversos ministérios. “A equipe presidencial realiza muitas viagens internacionais, algumas julgo desnecessárias. O presidente precisa cuidar mais do País. Além disso, não sabemos quais serão os resultados práticos da reforma fiscal recentemente aprovada”, conclui.

No cenário local, as perspectivas são melhores. Zé Teixeira considera que os avanços registrados em Mato Grosso do Sul durante este ano são o resultado das ações técnicas do Governo do Estado. Contudo, o deputado vê espaço para aprimoramentos e cita como exemplo a Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal (Iagro).

Faltam técnicos no Iagro para agilizar a análise dos projetos. Creio que certos temas nem caberiam ao Estado regular, porque só geram entrave e demora. Um exemplo é a informatização dos processos que deveria ser executada com mais cuidado. Muitos assentamentos ainda não possuem internet. Temos que respeitar a realidade de cada região. O avanço tecnológico não pode gerar exclusão”, conclui Zé Teixeira.

GESTÃO

Na Assembleia Legislativa, o deputado também teve a oportunidade de ver concluídas diversas ações implementadas durante a gestão de oito anos à frente da 1ª Secretaria. Entre as entregas, foram inaugurados o ambiente de alta disponibilidade do novo Data Center e a transmissão em sinal aberto da Rádio (FM 105.5) e TV ALEMS (canal 7.2).

Tenho orgulho deste período em meu currículo. Foi um tempo extraordinário. Após 40 anos sem investimentos, conseguimos colocar a Assembleia Legislativa no século 21. A Casa de Leis ganhou acessibilidade e tecnologia. Estamos preparados para enfrentar os novos desafios. Otimizando a utilização dos recursos públicos, investimos na infraestrutura que garante segurança, conexão e acolhimento para todas as pessoas”, finaliza o deputado.




Deixe seu comentário