Campo Grande, 03/03/2024 05:41

Blog do Manoel Afonso

Opinião e atitude no Mato Grosso do Sul

Política

Política • 05 fev, 2024

Deputados reafirmam comprometimento total com a população


 

As palavras apoio, diálogo, compromisso, desafio e parceria se destacaram entre as pronunciadas durante a sessão solene e festiva de instalação da 2ª Sessão Legislativa, da 12ª Legislatura, da Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul (ALEMS), no Plenário Júlio Maia. A atuação dos parlamentares em prol do bem comum foi enaltecida pelo governador Eduardo Riedel (PSDB), no texto da Mensagem do Executivo, lido durante a cerimônia nesta manhã (5).

“Destaco hoje aqui a união dos Poderes em prol do bem-estar comum. A Casa de Leis regulamenta e faz a legislação, observando o que é melhor para a execução das políticas públicas. É a Casa que define em lei o rumo que Estado vai tomar”, ressaltou o Governador do Estado, durante entrevista coletiva concedida após a cerimônia.

O deputado Pedro Arlei Caravina (PSDB) falou da política e gestão estadual. “Estou reassumindo agora, o primeiro ano do novo governo foi exitoso. A Assembleia Legislativa foi fundamental neste processo, e em nenhum momento se furtou em auxiliar o Governo para que políticas públicas acontecessem. Nós, parlamentares, devemos manter o relacionamento e envolvimento com as eleições e a capacidade dessa Casa em debater e discutir assuntos para melhorar a vida das pessoas. Há muitas pautas importantes.Essa Casa está à disposição para o bom debate e a boa política. Um excelente ano de realização para Mato Grosso do Sul”, desejou o parlamentar.

Paulo Corrêa (PSDB), deputado e 1º secretário da Casa de Leis, elencou as ações da pasta para 2024. “Muito trabalho, toda a linha de planejamento em 2023 continuará em 2024. Acabamos de assinar a ordem de serviço do refeitório para os funcionários da Casa. Na sequência será feito o estacionamento e posteriormente ampliação do plenário para melhor atender a população. Também na pauta a melhoria na internet está também para modernizar o máximo possível”, destacou.

Gleice Jane acredita que será um ano de muito trabalho

A deputada Gleice Jane (PT) ressaltou as políticas para as mulheres e a importância do ano eleitoral. “2024 será um ano bastante importante, de eleição, a respeito da política, para nós mulheres um ano de muito expectativa em representarmos mais nas câmaras municipais, faremos debate sobre essa pauta, e ainda a educação, saúde, segurança economia, o bem viver das crianças. Começando um ano com muita energia e vontade de ampliar a representatividade das mulheres na política”, declarou.

O deputado Renato Câmara (MDB) falou sobre a solenidade que é um rito que acontece anualmente. “Momento ímpar, essa cerimônia é uma forma da Casa do Povo acolher o Executivo para que possamos ouvir a mensagem para esse ano, é uma carta de boas vindas e de ações que serão desenvolvidas, para dessa forma articularmos ações junto ao Governo do Estado e o Legislativo representar a população. Uma das pautas desse ano é o preço da soja e do milho que baixou e freará o crescimento desse setor produtivo, além de tantas outras pautas como a saúde e educação bases”, informou.

O deputado Junior Mochi (MDB) disse que a participação e apoio da população na ALEMS são importantes. “Hoje a presença do governador na sua fala dá o rumo das ações do Poder Executivo para o Estado e pontuará prioridades. E cabe a nós trabalhar para que Mato Grosso do Sul seja ainda melhor. A Assembleia estará sempre junta e coesa para chegar ao melhor caminho para Mato Grosso do Sul. Esperamos que o Parlamento tenha o apoio e a participação da população, e que a Casa de Leis faça um bom trabalho em favor do povo sul-mato-grossense”, disse.

Participaram da solenidade o vice-presidente do Tribunal de Justiça, desembargador Dorival Pavan, a promotora de Justiça Camila Calarge, o reitor da Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS), Laércio Carvalho, secretários estaduais, prefeitos, representantes de entidades classistas, sindicais, federações, comandantes e representantes das Forças Armadas, entre outras autoridades.




Deixe seu comentário