Campo Grande, 18/06/2021

Blog do Manoel Afonso

Opinião e atitude no Mato Grosso do Sul

Política

Política • 10 jun, 2021

Evander quer desburocratizar a legalização de empresas


O deputado Evander Vendramini (PP) fez um apelo nesta quinta-feira (10) ao Executivo, durante a sessão mista da Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul (ALEMS). “Solicitamos que seja realizada a inclusão total da implementação da Rede Nacional para a Simplificação de Registros e da Legalização de Contribuintes, empresas e Negócios, a Redesim”, informou.

“A grande dificuldade do estado brasileiro e aqui não é diferente em Mato Grosso do Sul, é a burocracia, eu tenho sido cobrado constantemente por contadores, as pessoas responsáveis pela abertura de empresas, uma ação junto ao Executivo em relação a isso”, explicou Evander Vendramini.

O parlamentar reforçou que com a implementação da Redesim, a realidade dos contadores seria diferente. “Aqui no Estado, os contadores tem uma dificuldade muito grande quando vão fazer uma abertura de empresa. Mato Grosso do Sul não está integrado neste sistema da Redesim, criado pela Lei 11.598/2007, facilitando a abertura e o acompanhamento de toda a atividade empresarial pela internet”, destacou.

Para Evander Vendramini é preciso simplificar, especialmente nesta época da pandemia da Covid-19. “Se estivermos em rede com a Rede Sim, o contador irá apenas uma vez na Junta Comercial do Estado de Mato Grosso do Sul [Jucems] a partir daí faz tudo pela internet. Que o governo crie esse credenciamento e dê condições melhores dos contadores trabalharem neste momento de pandemia”, reiterou.

Rede Sim

A Rede Nacional para a Simplificação do Registro e da Legalização de Empresas e Negócios, Redesim, é um sistema integrado que permite a abertura, fechamento, alteração e legalização de empresas em todas as Juntas Comerciais do Brasil, simplificando procedimentos e reduzindo a burocracia ao mínimo necessário, com a integração de todos os órgãos municipais, estaduais e federais, Receita Federal, cartórios de registro notariais.




Deixe seu comentário