Campo Grande, 12/04/2024 17:08

Blog do Manoel Afonso

Opinião e atitude no Mato Grosso do Sul

Política

Política • 19 mar, 2024

Focado na ‘Rota’ senador Nelsinho visita Porto Murtinho


Defensor da Rota Bioceânica, projeto que promete redefinir as dinâmicas econômicas e logísticas do Mato Grosso do Sul e do Brasil, o senador Nelsinho Trad (PSD/MS) visita hoje (19) as obras da ponte que representará um marco na ligação entre o Mato Grosso do Sul e Carmelo Peralta, no Paraguai. Acompanham:  a ministra do Planejamento e Orçamento, Simone Tebet, os ministros da Integração e do Desenvolvimento Regional e dos Transportes, Waldez Góes e Renan Filho e o governador de MS, Eduardo Riedel.

“A construção desta ponte é símbolo da nossa capacidade de ultrapassar fronteiras e promover integração econômica e cultural profunda entre os países sul-americanos,” afirmou o senador.

Financiada pela Itaipu Paraguai com um investimento de U$$ 85 milhões, a ponte é fundamental para o projeto da Rota Bioceânica, que estabelece uma ligação direta para o comércio com os mercados asiáticos e fortalece as relações com Paraguai, Chile e Argentina.

O senador Nelsinho Trad tem sido figura decisiva nos esforços para assegurar o financiamento federal necessário e na superação de desafios logísticos e burocráticos. Recentemente, acompanhou um impasse aduaneiro que paralisou as obras.

O parlamentar acredita na Rota Bioceânica como um catalisador para o desenvolvimento regional, destacando que, uma vez concluído, o corredor de 2.396 quilômetros ligará o Atlântico ao Pacífico, “transformando o Mato Grosso do Sul em um hub logístico estratégico para o comércio internacional, especialmente com a Ásia”, explicou.

“Estou ansioso para acompanhar de perto o progresso dessas obras e continuar o trabalho para assegurar a realização deste projeto transformador,” concluiu parlamentar.

Além de relações comerciais, outras promessas do corredor são a de fortalecer os laços culturais entre os países sul-americanos, oferecer benefícios econômicos significativos e uma maior integração do Mato Grosso do Sul no cenário do comércio global.




Deixe seu comentário