Campo Grande, 12/04/2024 17:22

Blog do Manoel Afonso

Opinião e atitude no Mato Grosso do Sul

Política

Política • 06 mar, 2024

Indignada, Lia Nogueira quer o recolhimento de livro distribuído pelo MEC


A deputada estadual Lia Nogueira expressou sua indignação diante da distribuição de um polêmico livro pelo Ministério da Educação (MEC) às escolas públicas, incluindo as de Mato Grosso do Sul. A parlamentar destacou sua preocupação com o conteúdo do material, inicialmente associado ao combate ao racismo, mas que, ao ser analisado mais detalhadamente, revelou-se como algo “abominável” e “nojento”.

“A princípio parece que estamos falando de algo abominável no ser humano que é racismo”, afirmou a deputada, destacando casos de violência contra pessoas negras devido à cor da pele. “No entanto, ao folhear as páginas do livro em questão, me senti violada e desrespeitada, especialmente como mulher, devido ao conteúdo considerado ofensivo e obsceno”, completou.

A deputada ressaltou que o livro não trata de orientação sexual ou questões raciais, mas sim de um tema de conteúdo sexual e de maneira banal. Expressando sua preocupação com o impacto desse material nas mentes jovens, a deputada solicitou ao Governo do Estado, por meio da Secretaria Estadual de Educação (SEE), o recolhimento do livro. “É considerado um material didático, mas de didático não tem nada”, declarou.

Diante dessa preocupação, a deputada propôs uma moção de repúdio e a apresentação de um requerimento, junto a SEE, buscando o recolhimento imediato do material das escolas que já o receberam. A parlamentar argumentou que a sociedade não precisa desse tipo de conteúdo para cidadãos decentes em uma sociedade mais justa




Deixe seu comentário