Campo Grande, 19/07/2024 04:11

Blog do Manoel Afonso

Opinião e atitude no Mato Grosso do Sul

Política

Política • 16 mar, 2024

PSDB filia Marçal Filho e o ‘referenda’ como pré-candidato à prefeitura


O radialista Marçal Filho retornou ao PSDB em ato realizado na noite desta sexta-feira, na Seleta. No mesmo evento, ele foi referendado pelos presidentes estadual e municipal do partido, Reinaldo Azambuja e Zé Teixeira, respectivamente, como pré-candidato à prefeitura de Dourados nas eleições de outubro.

Essa é a terceira vez que Marçal se filia ao ninho tucano. Ele estava desde 2022 no Progressistas, mesmo partido do atual prefeito Alan Guedes.

Ao falar no palanque das autoridades, o ex-governador Reinaldo Azambuja, hoje presidente estadual do partido, questionou pessoas que duvidaram da chegada do radialista ao PSDB.

“O Marçal retorna ao PSDB referendado por muitos e é o nosso pré-candidato. E isso nasce do pulsar das ruas de Dourados. Muitos duvidaram, será que ele vai mesmo para o PSDB? Vai ser pré-candidato? Para aqueles que tinham essa dúvida, hoje ela acabou e ele é o nosso pré-candidato”, disse em seu discurso.

Já o atual governador Eduardo Riedel falou sobre a responsabilidade em administrar a máquina pública e o compromisso com as 79 prefeituras do Estado, mas, ao mesmo tempo, deixou claro que ‘tem lado’ nas eleições municipais.

“Fui eleito com apoio de muita gente e agora me perguntam: e os prefeitos que te apoiaram? Eu respondo, em primeiro lugar há o respeito. Hoje eu vim ver obras e me comprometer com Dourados. Mas na política temos grupo e na hora da eleição, vamos andar com nosso grupo e o Marçal Filho está vindo fazer parte dele. Para quem acha que teremos dúvidas para ficar do lado de alguém, eu não sou gato ou caco de vidro para ficar em cima do muro. Eu tenho lado e é o do PSDB”, afirmou o governador.

Leia  Parceria entre Paulo Corrêa, Riedel e Chico Piroli leva 100% de asfalto para Sete Quedas

Antes de Riedel, o agora pré-candidato tucano falou sobre o seu retorno ao partido e criticou a atual administração municipal.
Marçal também falou sobre o desafio da pré-candidatura e pediu auxílio dos correligionários ao longo da caminhada.

“No PSDB temos esperança, no PSDB temos técnica. Aqui, nós fazemos gestão, falo de um Reinaldo Azambuja e que Mato Grosso do Sul teve o antes e o depois dele. Ao seu lado estava Eduardo Riedel, que hoje coloca o Estado como um dos melhores do Brasil. Eu me inspiro neles e preciso deles para me ajudar, por isso aceitei esse desafio de ser pré-candidato”, finalizou.

Além de Marçal Filho, o ato desta noite abonou a filiação de outras pessoas ao PSDB, entre elas, a vereadora Tânia Cristina, que estava no Progressistas.

Terceira passagem

Marçal volta a ao PSDB como pré-candidato à prefeitura de Dourados.

Essa é a terceira passagem dele pelo PSDB. Antes, em 1999, foi eleito deputado federal pelo partido.

Já em 2016 ele retornou ao ninho tucano como pré-candidato à prefeitura, porém, quem acabou disputando o pleito para o Executivo foi o deputado federal Geraldo Resende. No mesmo ano, Marçal se candidatou para vereador e foi o mais votado com 4.065 votos.

Dois anos depois se elegeu deputado estadual ao somar 25.437 votos.

Em 2022, ele deixou o PSDB e decidiu migrar para o Progressistas em busca da reeleição na Assembleia Legislativa, porém, acabou na primeira suplência após o partido conquistar duas cadeiras na Casa, com Gerson Claro e Londres Machado.

Fonte: Douradosnews – Por Adriano Moretto




Deixe seu comentário