Campo Grande, 21/06/2024 10:21

Blog do Manoel Afonso

Opinião e atitude no Mato Grosso do Sul

Política

Política • 26 fev, 2024

Vagas prioritárias para irmãos: PL de Rinaldo é lei


EM SINTONIA COM O GOVERNO ESTADUAL O DEPUTADO PROFESSOR RINALDO MODESTO EMPLACA MAIS UMA LEI QUE BENEFICIARÁ A CLASSE ESTUDANTIL. 

Sancionada pelo Governo do Estado, em apenas 20 dias após sua aprovação pela Assembleia Legislativa  a Lei proposta pelo mandato do Deputado Professor Rinaldo Modesto (PODEMOS/MS), vai assegurar prioridade de matrícula, na mesma unidade escolar da rede pública estadual de ensino a irmãos de estudantes já matriculados, com absoluta preferência ao estabelecimento mais próximo à residência da família.

Para o parlamentar essa é uma conquista de toda a educação sul-mato-grossense já que o ensino de qualidade só é completo quando há união entre escola, família e alunos. “O direito à educação de qualidade, inclusiva e com segurança está prevista no Estatuto da Criança e do Adolescente. E proporcionar esse patamar de ensino também é pensar fora da escola, é proteger os alunos, oferecer segurança para pais e responsáveis, com as crianças estudando juntos com os irmãos e próximas às suas casas, proporcionando um ambiente favorável ao ensino”.

O texto do projeto também indica prioridade de matrícula aos estudantes que possuam os mesmos representantes legais, em razão de guarda, tutela ou processo de adoção em andamento.

A prioridade fica condicionada à oferta dos níveis escolares adequados aos educandos e ao quantitativo de vagas ofertadas por turno. Na hipótese de a unidade não prover níveis educacionais adequados às faixas etárias, é assegurada a preferência de matrícula em unidades escolares com a menor distância possível entre elas. Ficam excepcionadas da obrigatoriedade as unidades que realizam processo seletivo específico de ingresso.

Agradeço imensamente aos nobres deputados e deputadas, e a todos da ALEMS pela tramitação rápida da matéria, e também, em especial ao Governador do Estado, Eduardo Riedel, que sanciona a lei de maneira célere pois, sabe que a proposta vai de encontro ao desejo da gestão atual, de oferecer educação de qualidade para toda a população”, finaliza Rinaldo.




Deixe seu comentário