Campo Grande, 18 de novembro de 2019

Blog do Manoel Afonso

Opinião e atitude no Mato Grosso do Sul

Política

Política • 13 ago, 2019

Dia 17 a campanha nacional de filiação do PSL


O PSL (Partido Social Liberal) realizará uma campanha nacional de filiação no dia 17 de agosto para aumentar sua base de filiados. Os principais puxadores serão o presidente da República, Jair Bolsonaro, e o presidente de partido, Luciano Bivar. O partido enfrenta denúncias por usar candidaturas laranjas nas eleiçoes de 2018.

Contudo, o evento em MS não terá participação de políticos de outros estados, recentemente a deputada federal Joice Hasselmann esteve em Campo Grande para falar da reforma da Previdência a empresários. A senadora e presidente do diretório estadual do PSL, Soraya Thronicke, ressalta que cada região terá seus eventos com seus representantes: “A ação em MS trata-se de uma campanha única e que está sendo abraçada pelos representantes de cada região e por pessoas que se identificam com os ideais do nosso partido”.

Soraya reforça que os parlamentares do Mato Grosso do Sul irão se dividir para poder participar da iniciativa em alguns municípios. “Vamos nos encontrar com os cidadãos de bem que querem se filiar e fazer parte do novo formato político que está transformando o Brasil. Será um sábado que entrará para a história”. Coincidentemente, o PSL/MS também está dividido, com os deputados federais Luiz Ovando e o estadual Coronel Davi em direções contrárias ao diretório estadual e municipal.

O evento, de acordo com o PSL, terá muitos e muitos posteres e imagens de Bolsonaro, para atrair mais pessoas ao plantel de filiados. A nota também afirma que Piauí e Espírito Santo não terão eventos de filiação.




Deixe seu comentário